Skip to main content
Marketing

Plano de Mídia Paga: Aprenda a Montar e Acompanhar Sua Efetividade

By agosto 3, 2022No Comments
plano de mídia: imagem de quatro colegas de equipe olhando para tela de um notebook sob a mesa de trabalho

O Brasil é o segundo país em que as pessoas mais utilizam a internet, com cerca de 10 horas diárias de consumo. 

Diante desse fato, muitas empresas estão investindo cada vez mais no digital, o que significa um aumento na concorrência e disputa pela atenção das pessoas.

A melhor maneira para se destacar é utilizar estratégias e ferramentas para acompanhar, planejar, organizar, distribuir e analisar todo conteúdo de mídia nos canais digitais.

E isso só é possível com um bom plano de mídia! Acompanhe neste artigo as principais informações para montar um plano de mídia que funciona com dicas de especialista.

O Que é um Plano de Mídia?

O plano de mídia é uma ferramenta que permite a documentação e o desenvolvimento das estratégias que serão utilizadas no meio digital.

Para o seu planejamento é necessário compreender o negócio da empresa, os objetivos, quais os principais KPI’s a serem monitorados, o orçamento que será investido e os canais que serão utilizados para a veiculação das campanhas.

De modo geral, um bom planejamento auxilia na organização da estratégia, na potencialização dos resultados e no monitoramento das ações realizadas.

Qual a Importância do Plano de Mídia?

O plano de mídia é fundamental para implementar ações com a comunicação certa para o público certo e no momento certo, evitando assim o desperdício de verba com públicos que não tem interesse pelo negócio.

Confira mais benefícios que o plano de mídia oferece para sua estratégia de marketing!

Organizar a Estratégia de Marketing

Um bom planejamento de mídia é fundamental para a organização da sua estratégia. Nele serão documentados os KPI’s a serem monitorados, os canais que serão utilizados e como tudo isso será feito.

Também é muito importante que esse documento seja de fácil acesso e que todos os pontos estejam claros para que toda equipe envolvida possa trabalhar orientada para as métricas nas otimizações das campanhas.

No caso de um e-commerce, por exemplo, é importante saber quais serão os canais de veiculação de anúncios (Google Ads, Meta Ads, Pinterest Ads), qual será o principal KPI a ser monitorado (Valor de conversão, ROAS, Compras, Margem).

Potencializar os Resultados do Negócio

O plano de mídia também é responsável por potencializar os resultados, permitindo utilizar o orçamento de marketing de maneira mais inteligente para gerar mais conversões e engajamento com o menor custo possível.

Assim, você tem clareza dos objetivos almejados e da estrutura a ser montada de forma muito mais fácil, o que potencializa os resultados no dia a dia.

Facilitar o Monitoramento das Ações

Com que frequência será feito o monitoramento dos resultados? Essa é uma pergunta importante a ser respondida no planejamento de mídia.

Durante esse monitoramento, uma avaliação é feita para averiguar se os resultados estão sendo alcançados. Caso os objetivos não estejam dentro do que foi planejado, será necessário pensar em melhorias para reverter esses resultados ruins.

Banner com a frase maximize suas conversões com I.A.

Como Construir um Plano de Mídia Paga?

Agora que você já sabe o que é um plano de mídia paga e qual a sua importância é hora de começar a estruturar o seu!

Para isso, é importante que toda sua equipe esteja alinhada, já que todos terão um papel importante para execução das estratégias elaboradas no planejamento.

Elabore um Briefing

Nesta etapa, é necessário ir a fundo no posicionamento da marca. Aqui, você vai registrar quais são as características da sua empresa, qual é o histórico de atuação e qual é a identidade visual da marca.

Esses registros serão o seu guia de posicionamento no meio digital. É importante que você saiba como quer ser visto e lembrado pelas pessoas.

Lembre-se que atrás dos KPI’s existem pessoas reais que estão entrando em contato com os seus anúncios e que estão avaliando a sua empresa. 

Faça Análise de Mercado

Você sabe quem são os seus concorrentes? Quais canais eles utilizam? Onde está o seu público? É hora de fazer essas pesquisas, mapear os seus concorrentes e estudá-los.

Uma dica para esta etapa é utilizar ferramentas, como a biblioteca de anúncios do Meta Ads para pesquisar os anúncios dos seus concorrentes e entender como eles se posicionam.

Além disso, é importante entender em quais canais o seu público mais está presente. A internet é um mundo muito amplo e as pessoas têm comportamentos diferentes dentro deste universo.

Há empresas em que o público está mais presente no Instagram, em outras o público é mais ativo na Rede de Pesquisa do Google, etc. Por isso, é necessário definir em quais canais você conseguirá atingir com maior precisão o seu público.

Estabeleça os Objetivos

Um planejamento de mídia pode ter vários objetivos, como por exemplo, reconhecimento da marca, tráfego para o site, vendas, cadastros, entre outros.

Nesta etapa, é fundamental definir qual será o seu objetivo principal, pois isso definirá quais metas e estratégias serão utilizadas nas plataformas de criação de campanhas de mídia paga.

Defina os KPI’s

Após definir qual será o objetivo da campanha, você vai definir qual será o KPI responsável por medir se as campanhas estão tendo bons resultados. Vamos a um exemplo:

Uma loja de moda tem o objetivo de vender mais produtos no seu e-commerce, para isso ele irá montar uma estrutura de campanhas com o objetivo de aumentar o volume de vendas e o principal KPI a ser monitorado será o de compras no site.

Defina os Canais e o Orçamento

Tendo em vista qual será o KPI principal adotado como parâmetro de performance é hora de definir os canais em que os anúncios serão veiculados.

No universo da mídia paga existem diversas possibilidades de escolha, como Google Ads, Facebook Ads, Twitter Ads, Linkedin Ads, entre outros. É necessário realizar uma pesquisa e verificar quais desses canais são mais utilizados pelo seu potencial cliente.

Geralmente os canais mais utilizados para começar a veiculação de anúncios são o Google Ads e o Meta Ads. Esses canais têm um alto volume de usuários, o que é um grande atrativo para os anunciantes.

Após escolher os canais é preciso definir os orçamentos que serão investidos em cada um. Uma boa prática é definir um orçamento mensal para cada canal e acompanhar a performance no dia a dia para fazer ajustes pontuais que possam vir a ser necessários.

Caso você tenha dúvidas ou queira facilitar a sua rotina automatizando a sua gestão de orçamentos, veja também nosso artigo sobre Gestão de Orçamentos de Google Ads e Facebook Ads com IA.

Planeje as suas Campanhas

Quais tipos de campanhas serão veiculadas em cada canal? Nesta etapa você irá criar campanhas baseadas nos objetivos que você deseja alcançar.

As próprias plataformas de mídia paga oferecem a possibilidade de criar campanhas de diversos tipos diferentes, sendo preciso que você escolha as que mais façam sentido para sua estratégia de negócio.

Para se aprofundar mais neste tema, recomendamos a leitura de dois artigos:

Construa o seu Cronograma

Construir um cronograma para o monitoramento dos resultados é uma prática recomendada para o seu planejamento de mídia, pois após criar as campanhas é necessário acompanhar os resultados que estão sendo gerados. 

As plataformas permitem que você acompanhe esses resultados de forma praticamente instantânea, o que é ótimo para analisar a performance e decidir se é necessário fazer otimizações.

No cronograma você pode definir em quais dias da semana você vai fazer esse monitoramento e em quais dias você vai realizar as otimizações que forem necessárias.

Ferramentas de Acompanhamento de Plano de Mídia Paga

Para o monitoramento da performance das campanhas, existem algumas ferramentas muito úteis, confira mais sobre elas abaixo!

Google Analytics

Uma das ferramentas de dados mais utilizadas no mundo é o Google Analytics. Essa ferramenta é conectada ao seu site e fornece diversos relatórios para análises diferentes. 

Através dela é possível saber o número de sessões, novos usuários e transações realizadas, por exemplo. Além disso, você também pode entender o comportamento dos usuários dentro de cada página do seu site.

Caso você já utilize o GA e tenha dúvidas para realizar o acompanhamento das vendas, veja também nosso artigo sobre a Discrepância entre as Vendas do Facebook e Google Analytics.

Google Trends

O Google Trends é uma ferramenta gratuita oferecida pelo Google, que permite verificar a tendência de buscas de determinado termo em um período de tempo determinado. Como exemplo, selecionamos o termo Copa do Mundo nos últimos 30 dias.

plano de mídia: imagem da plataforma com o gráfico na cor azul

SemRush

Através do SemRush é possível fazer SEO, marketing de conteúdo, pesquisas de concorrentes e muitas outras coisas.

Essa ferramenta possui uma grande base de dados, com acesso a mais de 21 bilhões de palavras-chave, o que permite descobrir as melhores palavras-chave a serem utilizadas nas campanhas.

plano de mídia: imagem da plataforma semrushData Studio

O Data Studio também é uma ferramenta gratuita do Google, com ela você pode transformar seus dados em gráficos e tabelas totalmente personalizados, fáceis de ler e que podem ser compartilhados com a sua equipe.

Algumas funcionalidades do Data Studio, são: visualizar gráficos e tabelas personalizáveis, conectar a várias fontes de dados e compartilhar os principais insights com toda a equipe.

plano de mídia: imagem da plataforma com o gráfico na cor azul

Modelo de Plano de Mídia

Agora é hora de colocar a mão na massa, criamos um plano de mídia fictício para servir como modelo para que você também possa fazer o seu. 

No exemplo abaixo, utilizamos o planejador de mídia da Comunidade Pareto, pensando em um e-commerce de moda com foco na experiência.

plano de mídia: imagem de uma tabela apresentando um plano de mídia paga

Perceba que nesse modelo, definimos o orçamento total, o orçamento em cada campanha, os canais (Facebook e Google), os KPI’s a serem monitorados (ROAS e CPC) e o tipo de cada campanha.

Lembre-se que durante a criação da campanha é possível ser ainda mais detalhista na segmentação escolhendo o público-alvo, a localização e a idade das pessoas, por exemplo.

Perceba que, estrategicamente, destinamos verba para cada etapa do funil. A campanha de tráfego foi escolhida para trazer novos usuários para o site e alimentar a campanha de remarketing com foco em conversão.

A campanha de Performance Max foi escolhida por abranger todo inventário do Google, desde o shopping até o YouTube.

Também escolhemos uma campanha de conversão no Facebook para novos usuários e a campanha de marca com o objetivo de proteger o nome da nossa marca da concorrência.

Descubra como a Pareto Pode te Ajudar na Construção de um Bom Plano de Mídia

A Pareto é uma empresa de Inteligência Artificial e Automação de Processos Robóticos (RPA) para Marketing e Vendas. Ao longo dos anos, desenvolveu automações que são utilizadas por mais de 15.000 empresas em 84 países.

Com a Pareto você tem todo o suporte necessário para otimizar suas campanhas de mídia paga. A Tess, nossa I.A., é capaz de racionalizar e realizar ações que tenham a melhor chance de atingir um objetivo específico.

Veja no vídeo abaixo uma simulação de como a Tess pode te ajudar na gestão das suas estratégias de marketing digital.

Além da tecnologia, a Pareto conta com um time de especialistas para impulsionar o seu negócio com estratégia, implementação, otimização e monitoramento das suas campanhas.

Conte com a Pareto para ser o seu braço direito de mídia paga. Faça uma demonstração gratuita na plataforma e conheça de perto as nossas automações.

Bitnami