Skip to main content
E-commerceMarketing

Como Funciona o Google Merchant Center – Ferramenta do Google Shopping

By março 7, 2023dezembro 14th, 2023No Comments
google merchant center header: imagem de uma mulher jovem asiática digitando no notebook com várias caixas de encomendas ao lado

Se você possui ou administra um e-commerce e faz anúncios online, o Google Merchant Center é a ferramenta ideal para você! Através dele você cria listas de produtos para serem divulgadas nas campanhas do Google Ads.

Não só os grandes e-commerce se beneficiam das funcionalidades dessa ferramenta, mas também os pequenos, ou, que estão começando. Ao pesquisar por um produto da sua loja aparecerá para o usuário o produto que ele pesquisou, acompanhado do título e do preço do mesmo.

Essa é a principal funcionalidade do Google Merchant Center, continue lendo e confira todas as outras!

O Que É o Google Merchant Center?

O Google Merchant Center é uma plataforma do Google que permite que proprietários de lojas virtuais enviem informações detalhadas sobre seus produtos para que possam ser exibidos nas pesquisas do Google, no Google Shopping e em outros serviços do Google.

Em resumo, é uma ferramenta para gerenciamento de catálogos de produtos online e as duas principais campanhas que utilizam essa lista de produtos são Google Shopping e Performance Máx.

banner publicitário divulgando um e-book gratuito sobre otimização de campanhas no Google Ads e Meta Ads

Quais São os Benefícios do Google Merchant Center?

Confira os principais benefícios de utilizar o Merchant Center na sua estratégia de marketing digital. 

1. Aumento da Visibilidade nas Pesquisas Orgânicas

O Google Merchant Center permite que seus produtos sejam exibidos nas pesquisas do Google, no Google Shopping e em outros serviços do Google, o que aumenta a visibilidade da sua loja online.

Quando os compradores pesquisarem pelo termo do seu produto no Google, aparecerão diversos produtos para eles e um deles pode ser o seu a depender de alguns fatores como a relevância da pesquisa.

A plataforma de compras do Google que está disponível em mais de 90 países em todo o mundo. Isso significa que a sua loja virtual pode alcançar um público muito mais amplo, incluindo pessoas que não estão familiarizadas com a sua marca.

2. Maior Chance de Conversão

O Google Merchant Center permite que você forneça informações detalhadas e precisas sobre seus produtos, como preços, disponibilidade e detalhes de envio, melhorando a experiência do cliente e conquistando a confiança de compradores em potencial.

Por mostrar muitas informações com transparência, incluindo as avaliações dos compradores, as suas chances de conversão aumentam devido à influência na decisão de compra de potenciais clientes.

3. Remarketing Dinâmico

Outra maneira pela qual o Google Merchant Center ajuda a ampliar o alcance do seu público é por meio do uso de anúncios de remarketing.

Os anúncios de remarketing são exibidos para pessoas que já visitaram a sua loja virtual e mostram anúncios relevantes para os produtos que elas já visualizaram. Isso aumenta as chances de esses clientes retornarem e realizarem uma compra.

Em resumo, o Google Merchant Center ajuda a ampliar o alcance do seu público, permitindo que seus produtos sejam exibidos em uma plataforma global de compras e através de anúncios de remarketing para clientes em potencial.

4. Integração com o Google Ads

Ao conectar essas duas plataformas, os anúncios dos seus produtos se tornam mais eficazes, pois é possível utilizar as informações detalhadas de seus produtos no Google Merchant Center para criar anúncios mais precisos.

Isso significa que você pode segmentar seu público com base nas informações de produto, como preço, marca, categoria, entre outras.

Além disso, o Google Ads pode usar automaticamente suas informações de produto para criar anúncios dinâmicos, o que economiza tempo e aumenta a relevância do seu anúncio.

Outra vantagem da integração é a possibilidade de rastrear o desempenho de seus anúncios no Google Ads usando os dados de conversão do Google Merchant Center. Com isso, você pode ver exatamente quais anúncios estão gerando vendas e otimizar sua estratégia com base nesses resultados.

5. Integração com a Pesquisa Local do Google

Graças a essa integração os consumidores encontram facilmente seus produtos quando procuram por lojas próximas a eles.

Assim, as informações detalhadas dos seus produtos, como preço e disponibilidade, são exibidas nas buscas locais do Google, juntamente com outras informações importantes, como horário de funcionamento da loja e endereço.

Por exemplo, imagine que alguém está procurando por uma loja de roupas masculinas em sua cidade. Ao fazer uma busca local, o Google exibe uma lista de lojas próximas, juntamente com informações sobre seus produtos, como preços e modelos disponíveis.

Se sua loja virtual estiver integrada ao Google Merchant Center, seus produtos serão exibidos nessa lista, aumentando as chances de um consumidor visitar sua loja física ou comprar online.

6. Suporte do Google Analytics

No Suporte do Google Analytics você visualiza como os visitantes do seu site interagem com seus produtos, incluindo o tempo médio de permanência na página e a taxa de rejeição. Também pode monitorar o desempenho de suas campanhas, incluindo cliques, impressões e conversões.

Com essas informações, você consegue tomar decisões baseadas em dados e otimizar suas campanhas para melhorar o desempenho e aumentar as vendas.

Outra vantagem é acompanhar o desempenho de seus produtos em diferentes canais de vendas. Por exemplo, você pode comparar o desempenho de um produto em sua loja virtual com seu desempenho no Google Shopping ou em outras plataformas.

banner publicitário divulgando um e-book gratuito sobre automação de marketing

Como se Registrar no Google Merchant Center?

Confira o tutorial completo para se cadastrar corretamente e adicionar os seus produtos no feed do Google Merchant Center.

Cadastre-se na Plataforma

Acesse o site do Google Merchant Center e clique em primeiros passos e crie sua conta. Adicione informações da empresa, como nome, endereço, número de telefone e website.

Após ter criado sua conta, clique no ícone da engrenagem e após vincular contas, para vincular sua conta do Google Ads.

google merchant center: imagem da plataforma indicando onde vincular contas

Se você desejar usar um endereço de e-mail separado para o Google Merchant Center, não tem problema. Só será preciso clicar em “vincular conta” na parte inferior da página e inserir seu ID do Adwords.

Faça a Verificação do Domínio

Esta etapa é importante para garantir que você tenha controle total sobre o site e evitar que outras pessoas possam acessá-lo sem sua permissão. Também é um requisito para usar o Google Ads e o Google Analytics em conjunto com o Google Merchant Center.

Para verificar o domínio, clique na engrenagem e vá até “informações comerciais”. Feito isso faça o download do arquivo de verificação fornecido pelo Google Merchant Center.

google merchant center: imagem da plataforma indicando onde verificar o domínio

Depois faça o upload do arquivo de verificação para a raiz do seu site usando um cliente FTP ou o gerenciador de arquivos do seu provedor de hospedagem.

Volte para a sua conta do Google Merchant Center e clique em “Verificar” ao lado do domínio que você acabou de adicionar. Aguarde alguns minutos enquanto o Google verifica o arquivo de verificação.

Se a verificação for bem-sucedida, você receberá uma notificação confirmando que o domínio foi verificado com sucesso. Repita o processo para adicionar e verificar outros domínios, se necessário.

Configure Envio, Frete e Impostos

Para configurar as formas de envio vá até a seção “Entregas e Devoluções” e preencha com as informações da sua empresa.

google merchant center: imagem da plataforma indicando onde configurar o envio de frete

Clique em “Editar” ao lado de “Métodos de envio” para adicionar ou editar as opções de envio disponíveis. Selecione o país ou região para o qual você deseja configurar o método de envio.

Escolha o tipo de método de envio que deseja usar (por exemplo, envio padrão, envio expresso, retirada na loja, etc.) e defina as taxas de envio correspondentes. Clique em “Salvar” para salvar as configurações de envio.

Para configurar impostos, clique em “Editar” ao lado de “Impostos”. Selecione o país ou região para o qual você deseja configurar as taxas de impostos.

Defina as taxas de impostos correspondentes com base nas leis tributárias do país ou região. Clique em “Salvar” para salvar as configurações de impostos.

Conecte o Feed de Produtos

Por último é hora de configurar os produtos. Para isso, vá até o campo “Produtos”, “Feed” e clique no ícone para adicionar um feed principal.

google merchant center: imagem da plataforma indicando como conectar o feed de produtos

Selecione o tipo de feed de dados que deseja adicionar (por exemplo, Google Sheets, SFTP, FTP, Google Cloud Storage, etc.). Siga as instruções na tela para configurar o feed de dados com base no tipo selecionado.

Forneça as informações necessárias sobre o feed de dados, como o nome do feed, a localização do arquivo e as configurações de programação.

Selecione o idioma e o país para os quais o feed de dados se aplica. Configure as opções avançadas, se necessário e clique em “Salvar” para salvar as configurações do feed de dados.

Clique em “Validar” para verificar se o feed de dados foi configurado corretamente e se contém as informações necessárias.

Certifique-se de manter o feed de dados atualizado e preciso para garantir que seus produtos sejam exibidos corretamente nas pesquisas do Google e nos resultados do Google Shopping.

3 Dicas Avançadas para Obter os Melhores Resultados

Agora que você já sabe como acessar a plataforma e conectar o seu feed de produtos, confira as dicas avançadas que praticamos na Pareto e que se aplicam para qualquer e-commerce!

1. Insira Informações Completas em Atributos do Feed

É fundamental que você insira o máximo de informações possíveis nos atributos do feed. Cada produto possui atributos que o definem, alguns desses atributos são obrigatórios e outros são opcionais.

Lembre-se que quanto mais completo for seu feed, maiores serão as chances de obter boas posições nos resultados de buscas do Google Shopping. Neste artigo do Google você encontra todos os atributos disponíveis e quais são obrigatórios ou opcionais.

É importante ter em mente ao inserir os atributos quais são as informações que um potencial cliente gostaria de ver ao pesquisar por um produto de sua loja. Veja esse exemplo abaixo:

google merchant center: imagem do anúncio de uma chuteira no google

Ao pesquisar por “chuteira Nike” na pesquisa do google, encontramos um modelo com informações completas. Podemos ver o título, o gênero, a cor, a descrição, o preço e a imagem do produto.

2. Corrija Erros de Atributos Utilizando Regras

É possível verificar os erros que os produtos apresentam na aba “diagnóstico”. Tendo feito essa verificação é possível criar regras para que sejam corrigidos. Por exemplo, adicionar um título adequado ao produto.

No exemplo abaixo, foi inserido “-Castellmaq” em todos os títulos dos produtos.

google merchant center: imagem da plataforma

Dessa forma, ao pesquisarmos por “Castellmaq” no Google temos o seguinte resultado:

google merchant center: imagem de quatro anúncios de um guarda-roupas no google

3. Crie Categorizações de Produto

Através das regras é possível criar categorizações de produtos para serem utilizados nas campanhas, dessa forma é possível segmentar as campanhas apenas com esses produtos. Por exemplo, ticket médio e produtos estrela.

Esse tipo de categorização é muito utilizado nas campanhas de Performace Max.

Neste exemplo foi criado uma categorização de produtos para separar os produtos com ticket médio acima de R$300,00 dos que são abaixo desse valor e assim utilizarmos essas categorias em campanhas de PMax distintas.

google merchant center: imagem da plataforma

Dessa forma, uma campanha vai ter apenas produtos com preço maior que R$300,00 e em outra produtos com preço menor do que R$300,00.

Conclusão

Como você pode constatar o Google Merchant Center é essencial para as empresas que desejam ampliar o alcance da marca e melhorar seus resultados de marketing porque gera visibilidade para os produtos e, consequentemente, potencializa a geração de tráfego para o site.

Além disso, ao utilizar essa plataforma de forma eficaz, o seu e-commerce pode alcançar novos públicos, melhorar a experiência do cliente e impulsionar as vendas.

Para dar o próximo passo e continuar a sua jornada de aprendizado, veja também O Que É Rede de Display do Google, Como Anunciar e Formatos de Criativos.

Curtiu este artigo?

0 / 5 0 0

Your page rank:

Pareto

Author: Pareto - Conheça mais sobre o universo das IAs e do Marketing Digital. Acesse já o nosso acervo de conteúdos!