Skip to main content

Público de Topo de Funil

O objetivo deste artigo é apresentar maneiras de melhorar a segmentação do seu público de Interesse no Facebook Ads e, assim, ser capaz de fornecer um direcionamento para que você consiga alcançar melhores resultados.

Sabemos que o investimento em mídia paga vem crescendo cada dia mais e juntamente dele o número de empresas que passaram a aderir essa estratégia. Por essa razão, é extremamente necessário que haja um foco maior na customização da sua audiência, pois esse pensamento pode ser o que alavancará seus resultados.

O primeiro passo para se ter um bom retorno com a segmentação de público é definir qual a sua persona. Em outras palavras, você deve saber com certa clareza quem deve ser o destinatário que receberá os conteúdos dos anúncios.

O segundo passo é ter em mente qual a etapa do funil que você quer atingir, para que assim você seja capaz de criar um bom público relacionado a ela. No caso do público de interesse, nos tratamos de um público de topo de funil, uma vez que apenas novos usuários serão impactados pelo seus anúncios.

Você sabe o que é e como funciona o público de interesse?

O público de interesse do Facebook Ads fornece a possibilidade de adicionar os interesses e os hobbies das pessoas que você pretende impactar, tornando seus anúncios muito mais relevantes e direcionados para um público mais qualificado.

Existem duas maneiras distintas de segmentar seu público por interesse.

No tipo de direcionamento “OU”, há possibilidade de selecionar um detalhamento que inclua ou exclua pessoas que atendam a pelo menos um dos interesses definidos. Vamos supor que você selecione os seguintes interesses:

  • Viajam com frequência 
  • Estão interessadas em jardinagem
  • São arquitetas

Uma pessoa que é arquiteta, mas não gosta de viajar e/ou não está interessada em jardinagem, estaria dentro deste público, podendo ser impactada pelo anúncio.

Entretanto, caso seu objetivo seja atingir pessoas que atendam a todos os critérios referidos acima (viajam com frequência, estão interessadas em jardinagem e são arquitetas), por exemplo, poderá utilizar as ações de restrição de público no próprio gerenciador de anúncios. Sendo a segmentação do tipo “E”.

 5  Boas Práticas Para Segmentar Públicos de Interesse

1. Conheça Sua Persona

Uma das estratégias mais eficientes quando falamos desse tipo de público é realizar a segmentação com base nos interesses semelhantes ao do produto que a sua marca vende e principalmente com base no que as pessoas que você deseja impactar consomem. 

Por exemplo, imagine a seguinte situação: você é responsável por gerenciar o tráfego pago de uma marca que vende produtos veganos. É fato de que pessoas veganas não consomem produtos que possuam carne e nem outros derivados de animais. Então, pare por um minuto e reflita um pouco na seguinte pergunta: quais seriam os interesses que você selecionaria ao realizar a segmentação? 

Seria uma boa resposta colocar como interesse a palavra “Veganismo” e faria total sentido para a situação. Mas assim como você, milhares de outras empresas fariam o mesmo. Então, por que não ir mais além na segmentação e gerar mais resultados? 

Pense como a sua persona. Sabemos que o veganismo em si está atrelado à sustentabilidade que, consequentemente, está atrelada ao meio ambiente e inúmeros outros comportamentos.  

Conhecer seu público alvo e seu produto é o primeiro passo para gerar ótimos resultados com a segmentação de público de interesse.

2. Audience Insights 

O Audience Insights é uma ferramenta do Facebook que fornece informações e dados sobre pessoas que estão conectadas à sua página e que utilizam a plataforma do Facebook no geral. Com esse conhecimento, é possível estudar sua persona e identificar possíveis melhorias para sua marca. 

Detalhamentos como idade e gênero, níveis de escolaridade, cargos e status de relacionamento são algumas das informações que a ferramenta fornece aos usuários. Informações relevantes como essas podem ser as responsáveis por alavancar ainda mais seus resultados e principalmente seu retorno sobre os anúncios.

Fonte: Audience Insights Facebook

3. Número de Interesses

Uma dúvida muito recorrente está relacionada a qual seria o número ideal de interesses para ser inserido na segmentação de público. A resposta é bem simples: não há um número exato, uma vez que tudo irá depender da sua meta.

É preciso ter em mente que quanto mais interesses você colocar na segmentação do tipo “OU”, mais amplo tende a ser seu público e, consequentemente, maior serão seus gastos.

Imagine, por exemplo, que uma campanha com um budget relativamente baixo está geolocalizada a nível Brasil, atingindo todos os estados e cidades. Se você colocar muitos interesses que possuem uma grande capacidade de alcance, dificilmente sua campanha irá trazer um público bem qualificado e, consequentemente, as chances de coletar bons resultados serão menores.

Definir claramente sua meta e saber qual o impacto que sua marca quer alcançar são pontos essenciais para se ter sucesso com esse tipo de segmentação.

4. Connect.io

A cartela de interesses que o Facebook fornece é extremamente ampla, mas nem todos aparecem como opção de sugestão na plataforma. Alguns dos interesses estão ocultos e apenas são mostrados seus nomes são digitados corretamente. 

Existem inúmeras plataformas que ajudam seus usuários a descobrir esses interesses ocultos do Facebook Ads, mas a que utilizamos e recomendamos é a Connect.io. Nela, existem soluções para diversos problemas relacionados a mídia paga do Facebook Ads.

Uma dessas soluções é a Connect Explore, ferramenta em que é possível otimizar tempo adicionando sem esforços significativos novos interesses inexplorados e se destacar dentre seus concorrentes.

5. Exclusão de Público

Uma estratégia importante a ser aplicada na segmentação é a exclusão. A exclusão irá limitar sua audiência, mas quando bem aplicada, qualificará ainda mais seu público. 

Vamos trazer um exemplo que é aplicada com certa recorrência. Se o ticket médio de um cliente for baixo, sendo um produto mais popular, é possível realizar seguinte segmentação:

Excluir um público que prefere produtos de valor intermediário e alto no país, ou viajantes internacionais frequentes.

Tudo isso buscando uma maior qualificação e evitando que desperdicemos o budget alcançando pessoas que não possuem um real potencial de compra.

Entretanto, isso não é válido para todos os negócios. É necessário sempre pensar em quem você quer atingir e traçar uma estratégia coerente com seu público-alvo.

Conclusão

A segmentação por público de interesse se destaca por ser um ótimo método quando utilizada corretamente. Com ela é possível atingir sua persona e anunciar para pessoas bem qualificadas, ampliando o alcance da marca no topo de funil. 

É importante saber selecionar interesses que condizem com o público que você quer atingir e principalmente com o seu produto. Ferramentas como o Audience Insights e Connect.io são ótimas aliadas no processo de seleção e de entendimento da sua persona. 

Por fim, é válido ressaltar e ter sempre em mente que a quantidade de interesses presentes na segmentação de público do Facebook é grande, assim como as possibilidades de estratégias e formas de se obter um ótimo retorno. 

 

Bitnami